quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

É Proibido Pensar - João Alexandre

E ae o que acham?

Acho que o vídeo é válido, porém, temos que ter mais cuidado ao criticar outros irmãos por causa de um equivoco ou outro, não sei o que se passa no coração dos nossos lideres evangélicos, muitos são corruptos, outros, apesar de enganados são sinceros e têm como objetivo maior cumprir a vontade de Deus, muitas vezes têm um coração muito mais voltado para Deus do que àqueles que os criticam. Devemos ter muito cuidado em não ter um posicionamento farisaico esquecendo que nós não somos donos da verdade, e se estivessemos em posição de destaque, outros erros nossos, talvez piores, também viriam a tona e por isso seriamos execrados.

19 comentários:

Pr. Zwinglio Rodrigues disse...

Duas coisas, ou três:

1° João Alexandre tocou uma certa vez em um mega evento da Canção Nova, em Cachoeira Paulista, e chamou os mais de 50.000 católicos q o assistia de irmãos. Eu vi e ouvi!

2° Ele, e o produtor do vídeo, deveriam ser citados tanto na música, como no vídeo, como protagonistas de dois males: o primeiro por causa do ECUMENISMO diabólico, e o segundo por causa do pecado de desobedecer as Escrituras q dizem: QUEM TE CONSTITUIU JUIZ?

3° Como ñ é proíbido pensar, pensei.

Anônimo disse...

Quando vi pela primeira vez o vídeo achei interessante!
Mas tenho de confessar que a crítica foi pesada e não foi pensada totalmente (trocadilhos a parte); no site www.overbo.com.br -, Ana Paula Valadão se justifica, sua intenção foi sincera, intuito de adoração simples e pura!
A apostasia é grande; existem de fato os aproveitadores, mas serão todos?

Atenciosamente em Cristo:

Marcus Vinicius Matias de Arruda

Post-Modern Christian disse...

Obrigado por ter sido um dos poucos equilibrados que postaram esse vídeo por aí nesse rede.
Eu mesmo tenho esse vídeo no meu orkut. Junto com bandas de metal cristãs, seculares, pós-punk's, vídeos de animações, de cruzadas evangelísticas, de conteúdo pessoal...

Eu realmente acho q a escolha das imagens pecou sim, nem tudo que foi usado ficou num arranjo feliz. Fica muito "eu sou tradicional histórico que é superior a esse circo pentecostal brasileiro". Quem só ouve a música talvez não pense isso, mas vendo as imagens... ficou extremamente parcial.

Acredito que a letra, longe de ser um "julgar", como colocou Zwinglio aí em cima, é um despertar a repensar o que temos chamado de "cristão": afinal, a tal da pós-modernidade tá aí...rs

O que menos podemos nos dar ao luxo nestes tempos é agarrar-nos a tradições mortas, baseadas fora da Palavra, e nisto falham muitos irmãos tradicionais, infelizmente; como falham muitos irmãos pentecostais ao aceitar de peito aberto "tudo que funcione", sem balizar as coisas na Bíblia...

"Errais porque não conheceis as Escrituras nem o poder de Deus".

Realmente, só Jesus pra nós...

Vitor Pereira disse...

Belos comentários!
Vamos lá, quanto a chamar os católicos de irmãos eu não vejo grandes problemas, mas calma, não que eu concorde com as doutrinas e práticas católicas claramente anti-bíblicas. Mas, eu acredito que dentro do Catolicismo há cristãos sinceros, às vezes muito mais sinceros do que alguns evangélicos, portanto, creio sim que podemos chamá-los de irmãos, claro que é uma questão delicadissima, e não podemos cair no erro de relativizar demais as coisas e esquecer de coisas essenciais em nome da unidade. Da mesma forma que temos que ter cuidado em julgar os lideres evangélicos que o vídeo mostra, devemos também ter cuidado ao julgar os católicos. Que fique bem claro que não sou a favor de um ecumenismo, mas já que no nosso meio, assim como no meio católico, também existem muitas práticas anti-bíblicas, não vejo porque execrá-los sem aplicar o mesmo peso e medida a nossa Igreja.
Quanto a julgar, creio que o que sai da boca de um líder evangélico tem que ser julgado de acordo com a Palavra, afinal, não devemos dar crédito a qualquer espirito, mas concordo que muitas vezes, como nesse vídeo as criticas se tornam pessoais e não tem o intuito de ajudar mas apenas de condenar, isso é o que Jesus condena.
Acho que as criticas são válidas quanto feitas da forma correta (raramente são), não podemos pensar como os donos da Verdade, sejamos tradicionais ou neo-pentecostais, cada grupo têm suas qualidades e defeitos (diria até heresias), devemos abrir nossos ouvidos às criticas para que possamos corrigi-las, tudo isso em prol da verdadeira Unidade.

Vitor Pereira disse...

Quanto a Ana Paula Valadão, embora não concorde com suas práticas, creio que é uma cristã sincera e não merece toda essa condenação. Mas o que eu acho mais sério é que, pelo que vejo nos textos de seu blog, os atos proféticos da Ana Paula não têm como intuito a exortação, são sempre mensagens de "paz e prosperidade", o que me faz lembrar dos profetas dos tempos de Jeremias, que profetizavam paz e prosperidade, enquanto o verdadeiro profeta de Deus, Jeremias, profetizava que eles deveriam se submeter à Babilônia, do contrário, Deus traria grande juízo ao seu povo. É esse o tipo de profecia que eu vejo na Bíblia, mas a profecia que eu vejo em nossas Igrejas é sempre paz, prosperidade, saúde, dinheiro, riqueza e tudo que agrada a nossa carnalidade, o que difere muito da verdadeira profecia bíblica, ouvir que eu vou ser rico é muito agradável, agora ouvir que eu tenho que abrir mão das minhas vontades em nome da vontade soberana de Deus não é nada agrádavel.

Vitor Pereira disse...

É impressão minha, ou a imagem do Caio Fábio é propositadamente colocada no trecho "procuro alguém pra resolver meus problemas" como se ele, Caio Fábio, fosse a solução dos problemas da Igreja?
Se ele for a solução dos problemas da Igreja, estamos perdidos...

Vitor Pereira disse...

Detalhe: o autor do vídeo (http://www.windpill.blogspot.com/) é agnóstico.

Pr. Zwinglio Rodrigues disse...

A música, ao meu ver, têm contornos de juízos sim. Basta ver como ela casa-se perfeitamente com as IMAGENS do vídeo. Esta confluência entre ambos não é mera coincindência. A letra é clara e propõe a questão da "tampa e o balaio". IURD e Diante do Trono são água e óleo, mas JA os coloca, repito, como a "tampa e o balaio". ERRO CRASSO e PRECONCEITUOSO. A poesia dele, neste caso, é dispensável.

Quanto a chamar os católicos de irmãos, em uma prática ECUMÊNICA DIABÓLICA -JA estava cultuando junto com os católicos.ECUMENISMO para realização de obra social, para tratar de questões de ética,moral,no campo político, por ex., eu até consigo admitir, agora em termos de culto, para mim está fora de questão- ñ penso ser procedente. Passa-se a idéia de q os quase dois milênios de paganização do cristianismo pela ICAR é irrelevante e q a REFORMA, em algum nível, fora desnecessária(até hoje é assim q a ICAR pensa. Inclusive, ainda chama-nos de irmãos separados.) Minha questão,em fim, e muito mais teológica,portanto bíblica, do q emotiva e/ou humanista.

Abraços!!

soukartrin disse...

O Diante do trono só traz mensagem de paz e prosperidade? Bem se vê que o irmão fala sem conhecimento de causa... o que dizer sobre ainda existe uma cruz, preciso de ti (quando o marido da ana quase perdeu a perna o que a fez compor a canção)... e sobre o ministério ter nascido de uma renúncia pessoal... não acredito q o dt traga mensagem para massagear o ego das pessoas... mas enfim, que Deus possa falar aos corações através da humildade e VERDADE que é CRISTO!

os.meu.cao disse...

Graças a Deus que João Alexandre estava la com aqueles catolicos falando que só existe um caminho (Jesus Cristo), falando da salvação.
E vc só fala para os evangélicos?

(Mateus 9:12) - Jesus, porém, ouvindo, disse-lhes: Não necessitam de médico os sãos, mas, sim, os doentes.

(Marcos 2:17) - E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento.

E ESSE É PARA VC: (I Corintios 11:30) - Por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem.
Prega o evangelho jenuino ou então tira a capa ( será que sairá uma ovelha ou um bode?)

Zwinglio, Pr.
Sexo: Masculino
Atividade: Religião
Profissão: Educador(Profissão), Pastor & Teólogo (Ministérios)
Local: Vitória da Conquista : Bahia : Brasil
Estudou muito mas não aprendeu com o mestre Jesus Cristo!
(Romanos 12:16) - Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos;

Meu coriculo: 1 grau incompleto ( ou seja,semi-analfabetico aos olhios de muitos), marceneiro mas filho de Deus em Jesus e dou graças a pessoas como ele pois assim conheci o evangelho.
(Lucas 4:19) - A pregar liberdade aos cativos, E restauração da vista aos cegos, A pôr em liberdade os oprimidos, A anunciar o ano aceitável do SENHOR.


Pr. Zwinglio Rodrigues disse...

Duas coisas, ou três:

1° João Alexandre tocou uma certa vez em um mega evento da Canção Nova, em Cachoeira Paulista, e chamou os mais de 50.000 católicos q o assistia de irmãos. Eu vi e ouvi!

2° Ele, e o produtor do vídeo, deveriam ser citados tanto na música, como no vídeo, como protagonistas de dois males: o primeiro por causa do ECUMENISMO diabólico, e o segundo por causa do pecado de desobedecer as Escrituras q dizem: QUEM TE CONSTITUIU JUIZ?

3° Como ñ é proíbido pensar, pensei.


E QUEM TE CONSTITUIU JUIZ ?

Anônimo disse...

Graças a Deus que João Alexandre estava la com aqueles catolicos falando que só existe um caminho (Jesus Cristo), falando da salvação.
E vc só fala para os evangélicos?

(Mateus 9:12) - Jesus, porém, ouvindo, disse-lhes: Não necessitam de médico os sãos, mas, sim, os doentes.

(Marcos 2:17) - E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento.

E ESSE É PARA VC: (I Corintios 11:30) - Por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem.
Prega o evangelho jenuino ou então tira a capa ( será que sairá uma ovelha ou um bode?)

Zwinglio, Pr.
Sexo: Masculino
Atividade: Religião
Profissão: Educador(Profissão), Pastor & Teólogo (Ministérios)
Local: Vitória da Conquista : Bahia : Brasil
Estudou muito mas não aprendeu com o mestre Jesus Cristo!
(Romanos 12:16) - Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos;

Meu coriculo: 1 grau incompleto ( ou seja,semi-analfabetico aos olhios de muitos), marceneiro mas filho de Deus em Jesus e dou graças a pessoas como ele pois assim conheci o evangelho.
(Lucas 4:19) - A pregar liberdade aos cativos, E restauração da vista aos cegos, A pôr em liberdade os oprimidos, A anunciar o ano aceitável do SENHOR.


Pr. Zwinglio Rodrigues disse...

Duas coisas, ou três:

1° João Alexandre tocou uma certa vez em um mega evento da Canção Nova, em Cachoeira Paulista, e chamou os mais de 50.000 católicos q o assistia de irmãos. Eu vi e ouvi!

2° Ele, e o produtor do vídeo, deveriam ser citados tanto na música, como no vídeo, como protagonistas de dois males: o primeiro por causa do ECUMENISMO diabólico, e o segundo por causa do pecado de desobedecer as Escrituras q dizem: QUEM TE CONSTITUIU JUIZ?

3° Como ñ é proíbido pensar, pensei.


E QUEM TE CONSTITUIU JUIZ ?

Vitor Pereira disse...

"os.meu.cao" ou seja lá qual for o seu nome...

Acredito que você não compreendeu o que o Zwinglio disse. O problema não está em pregar a salvação para aqueles que professam uma fé diferente da nossa, o problema está em chamá-los de irmãos como se todo e qualquer caminho fosse igualmente válido.

Zwinglio julgou idéias, que, segundo ele, são anti-bíblicas. E esse zelo é mandatório nas Escrituras (Gl 1.8, 1Jo 4.1 etc). Agora me parece que você julgou a pessoa do Zwinglio e isso sim meu irmão é pecado e só serve para separar e criar discórdia. Mais cuidado ao falar. Saiba que você pode e deve discordar de toda e qualquer idéia que julgar anti-biblica, mas você não têm o direito de atacar um homem.

Em Cristo,
Vitor.

Anônimo disse...

"Vê,hoje te confiro autoridade sobre as nações e sobre o reinos para arrancar e derrubar, para arruinar e demolir, para construir e plantar" Jeremias 1,10 - O papel do profeta é denunciar toda injustiça e anunciar a justiça e paz. "é o que fez JOão Alexandre,denuncia os falsos pastores,bando de fariseus, que vem escravizando o povo de Deus, se julgando "INSPIRADOS", COM AUTORIDADE SOBRE A PALAVRA DE DEUS.
OS ÚNICOS SALVOS, E ESCOLHIDO POR DEUS. CUIDADO! OLHA O QUE JESUS DISSE AOS FARISEUS!!! COM TODA DISCRINAÇÃO VOCÊ PODE ACABAR NO INFERNO. NÃO DIANTA DISSE: O MEU JESUS, EU TE LOUVO , SENHOR... SE VOCÊ NÃO AMA OUTRO COMO JESUS TE AMOU, (O OUTRO QUE É CATÓLICO, ESPÍRITA, PROSTESTANTE) ACORDA!!!!

Debora disse...

É muito interessante essa sensação que alguns protestantes têm de servm detentores da verdade,proprietários do Reino dos Céus,é bem verdade que Deus preparou um lugar para cada um de seus amados,mas sabemos que ele não terceirizou para ninguém a distribuição.O fato é que todos,repito TODOS são filhos amados de Deus,portanto todos irmãos,Jesus não discriminou ninguém,falou com a samaritana,com cobradores de impostos,estrangeiros,endemoniados...quem sou eu ou você para afirmar que A ou B não é filho de Deus?Me poupem...

Debora,católica desde sempre e para sempre!!!

rocsoledade disse...

tsc tsc tsc!!!!
João Alexandre perdeu muito no meu conceito !!! Já não vou ouvir mais os Cds desse rapaz!

Não devemos julgar... apenas opinar... o Julgamento... deixemos por conta de DEUS né?? é bem melhor...!

té mais!

Anônimo disse...

lamentavel, so isso

Anônimo disse...

Cada vez mais chego a conclusao de que cometi um erro me tornar evangelico,e tanta besteira que se ve em nosso meio que ja nao temos mais diferenças em relaçao aos catolicos,temos nossas heresias,nossas idolatrias(os grandes cantores gospel,as nossas denominaçoes,os grandes pr. evangelicos,etc.),e o que e pior nao podemos nem falar,pois estamos tocando nos ungidos do senhor,e uma vergonha o que certas lideranças ditas evangelicas fazem,crescer por crescer os espiritas,mulçumanos,ateus entre outros estao crescendo,naquele dia muitos dirao:Senhor nao pregamos atua palavra,nao profetizamos,nao curamos enfermos?E o Senhor dira aparta-vos de min vos os que praticais o mal,e para refletirmos.

Leo Montenero disse...

Olá,

Minha opinião é a seguinte: Hoje em dia algumas pessoas fazem o que querem, pensam o que querem, e no final acham que estão protegidas por Mt 7.1. Isso é uma das coisas que abrem espaço à pessoas não-inspiradas a cometer heresias dentro da própria igreja, sem aceitar uma repreensão, por vez criando dissensões e até mesmo seccionando a igreja, criando outras denominações como se fossem uma simples comunidade de orkut, com seus pensamentos e idéias diferentes de todos (2 Tm 4.3).

Na verdade, se bem analisado, o versículo Mt 7.1 está sendo dirigido por Jesus a hipócritas (Mt 7.5), que julgam sem nem conseguir enxergar as traves no seu olho. Mas, no caso de pessoas cheias do Espírito Santo e apegadas à Palavra fiel, tendo uma vida exemplar, obedientes a Deus e irrepreensíveis (Tito 1.7-9), é sim dado o poder de julgar e admoestar; mas não pela aparência, e sim pela reta e sã justiça, que é a Palavra de Deus; e SOMENTE quem está na Palavra fala pela Palavra; e a Palavra é divinamente inspirada para instruir, repreender e corrigir (2 Tm. 3.16).

Em João 7.24, o próprio Jesus alerta: "Não julgueis segundo a aparência, mas JULGAI segundo a reta justiça.". Esse versículo expressa inteiramente não só a possibilidade de se instruir e admoestar com justiça, mediante a palavra de Deus, aqueles que se contradizem e os que ensinam falsas doutrinas, mas também o DEVER de julgar as falsas doutrinas e alertar aos cristãos sobre essa prática. Em toda Bíblia é nos ensinado, além de viver como um bispo irrepreensível e obediente, a atentar para os falsos ensinos e falsos profetas e nos desviar deles. Se não nos fosse imputado isso, como poderíamos julgar as melhores amizades para nós, arbitrar os nossos filhos, decidir qual o melhor caminho pra seguir... Em todos nós existe o direito de julgar, sim, porém só podemos julgar aquilo em que estamos aptos e instruídos.

Acredito que o cantor foi muito feliz em suas letras, e julgou muito bem e severamente (Tito 1.13b). Ele com certeza pesquisou, orou, e leu a Palavra, antes de compor essa música, pois se encaixa perfeitamente com práticas muitas vezes adoradas pelos seguidores. Vejo João Alexandre como uma voz sozinha nesse deserto, mas que precisa ser ouvida; as pessoas estão tão alienadas com a “renovação, restauração, restituição” (claro que isso é bom, mas como a letra da música diz, é melhor vc estar bem com Deus do que sempre precisar de restauração, ou seja, vc está sempre caindo...) que parece uma heresia a letra dele, mas não é. Quem pesquisa, quem procura se informar dos pormenores, quem lê a bíblia e baseia tudo nela e julga tudo por ela, por ela pode verificar a incoerência dessas doutrinas e a sinceridade dessa música. Deixo a vocês uma frase e alguns versículos:

“A maior de todas as ignorâncias é rejeitar uma coisa sobre a qual você nada sabe.” (H. Jackson Brown)

"Retendo firme a fiel palavra, que é conforme a doutrina, para que seja poderoso, tanto para admoestar com a sã doutrina, como para convencer os contradizentes. Porque há muitos desordenados, faladores, vãos e enganadores, principalmente os da circuncisão, aos quais convém tapar a boca; homens que transtornam casas inteiras ensinando o que não convém, por torpe ganância.” Tito 1.9-11

"Confessam que conhecem a Deus, mas negam-no com as obras, sendo abomináveis, e desobedientes, e reprovados para toda a boa obra." Tito 1.16

Ministério Resgatar disse...

Aqueles que alisavam o ego dos líderes político-religiosos não eram enviados por Deus, mas falsos profetas (I Reis 22:1-28, Jeremias 28:1-17).

"Pois busco eu agora o favor dos homens, ou o favor de Deus? Ou procuro agradar aos homens? Se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo" (Gálatas 1:10).

 
Free Host | lasik surgery new york